O Evangelho de Mateus – As boas-novas para os Judeus e para o mundo

O Evangelho de Mateus é um dos quatro evangelhos da Bíblia. E antes de falarmos mais sobre o conteúdo da mensagem de Mateus…  Vou falar sobre quem foi Mateus. Mateus era um judeu. Assim como os demais discípulos, mas o ponto principal sobre quem era Mateus é que ele era um cobrador de impostos.

Bom, você pode estar pensando… Qual o problema em ser cobrador de impostos? Hoje no Brasil uma das profissões mais valorizadas do Brasil é a de Auditor Fiscal da Receita Federal, que é um cobrador de impostos. O problema é que Mateus cobrava impostos dos judeus para o Império Romano. Imagina que os EUA invadiram o Brasil e faz com que alguns brasileiros cobrem altos impostos de outros brasileiros e mandem o dinheiro para os EUA?

Provavelmente veríamos essas pessoas como traidores da nação. E era exatamente assim como Mateus era visto. Um traidor do povo de Deus.  Porém, quando Mateus (que antes chamava-se Levi e possivelmente tem o nome mudado devido a conversão. Mateus significa “Dom de Deus”.) tem um encontro com Jesus tudo se fez novo na vida dele. Ele deixou muito dinheiro pra trás que recebia devido a sua profissão.

E algo muito interessante percebemos em Mateus e também percebemos hoje com os crentes em Jesus. Mateus quis compartilhar com seus amigos sobre Jesus, ele quis que a transformação que ele havia passo, atingisse também seus amigos. Ele abriu sua casa e convidou seus amigos para conhecer Jesus.

O Evangelho de Mateus faz uma ponte perfeita entre o Velho Testamento e o Novo Testamento. Ele inicia o livro apontando a genealogia de Jesus com início em Abraão. E porque a genealogia era tão importante assim?

Primeiro os judeus davam muito valor a genealogia, pois era assim que se provava de qual tribo ele pertencia e os direitos de herança. Dessa forma, Mateus inicia seu evangelho apresentando Jesus como descendente de Davi para que ficasse evidente o direito ao trono de Davi por Jesus.

Segundo, percebe-se que Mateus tinha o objetivo de evidenciar para os judeus que Jesus é o cumprimento das promessas do Velho Testamento, assim ele desenha toda a genealogia desde Abraão para mostrar que Jesus era o cumprimento da promessa de salvação feita por Deus Pai em todo o Velho Testamento.

Terceiro ponto, Mateus estava proclamando o nascimento do Rei esperado, o Rei dos Reis. E a genealogia era de extrema importância para mostrar a origem do Rei. Só que Jesus não é um só de origem humana, Ele é Deus. Então Mateus ressalta que José não gerou Jesus, que Jesus foi gerado pelo Espírito Santo.

E aqui destaco a importância de José na vida de Jesus, mesmo não sendo o pai de Jesus… Jesus herda de José a filiação de Davi. (Também de Maria, que vamos ver em outro artigo sobre o Evangelho de Lucas) E José como pai de Jesus tinha a obrigação de transmitir a Jesus a Torá. Isso é realmente interessante e fantástico, e como o plano de Deus é perfeito… o próprio criador da Torá foi ensinado quando criança. (Isso é assunto para outro artigo.rsrsr)

O Evangelho de Mateus é o Evangelho que enfatiza o Reino de Jesus. O apresenta como Rei desde o nascimento. E quer mostrar isso para os judeus. Ele apresenta no seu Evangelho 129 citações ao Velho Testamento. Explicando elas de forma a elucidar e provar quem era de fato Jesus.

Teremos muitos artigos sobre o Evangelho de Mateus neste Blog. Tenho me dedicado muito ao estudo deste Evangelho. Ele traz a mensagem de boas-novas de salvação tanto para os judeus quanto para os gentios (ou todos os outros povos).

Para finalizarmos este artigo introdutório. Percebe-se que Mateus apresentou ao mundo o novo Rei. O Rei dos Reis. Essa foi a principal ênfase que Mateus dá ao seu Evangelho: Jesus é o Rei.

E ele também apresenta um novo povo. E quem é este novo povo: a Igreja. E aqui Igreja não é nenhuma instituição humana, mas sim a Igreja Espiritual, Corpo de Cristo, formada tanto de Judeus como Gregos e todos os povos… Igreja em grego significa “uma assembleia chamada para fora”.

A Igreja de Cristo desde sua criação foi chamada a sair mundo a fora levando a Mensagem das Boas-Novas de Jesus.

‘E você, Belém, na terra de Judá,

não é a menor entre as principais cidades de Judá,

pois de você virá um governante

que será o pastor do meu povo, Israel’”.

Mateus 2-6 Bíblia NVT

Referência Bibliográfica:

-Bíblia Sagrada – Nova Versão Transformadora

-Comentário Bíblico Expositivo – Warren W. Wiersbe

 

Apenas um Filho e Deus e isso é Tudo que eu preciso!

2 comments On O Evangelho de Mateus – As boas-novas para os Judeus e para o mundo

  • Pr. Thel Freitas

    Querido conservo Douglas, enriquecer nosso conhecimento é magnífico, principalmente quando diz respeito a Revelação da infalível Palavra. Por isso, estou muito orgulhoso e feliz por você está contribuindo nesse sentido. Mergulhei na leitura de ambos artigos, são muito valorosos em conhecimento e edificação espiritual. Obrigado pela rica contribuição e pelo carinho em lembrar de mim. Que Yahweh, possa continuar te dando inspiração e iluminação para corroborar com o Reino. Parabéns! Shalom!

    • Douglas Castro

      Oh querido Pastor Thel. Fico muito honrado pelo comentário. E espero os teus artigos que com certeza contribuirão ainda mais para engrandecimento do Reino.
      Shalom!

Comments are closed.

Site Footer

Mapa do Site   Curso de Teologia